Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias - UFPI > Abertas inscrições para o Programa de Pós-Graduação em Arqueologia
Início do conteúdo da página

Hospital Veterinário realiza mais de 36 mil procedimentos médicos por ano

Imprimir
Publicado: Terça, 08 de Setembro de 2015, 08h02

O Hospital Veterinário Universitário (HVU), "Médico Veterinário Jeremias Pereira da Silva", da Universidade Federal do Piauí (UFPI), é referência no tratamento de animais não só no Estado, mas também em toda a região nordeste. Inaugurado no ano de 2003, o hospital atende animais de companhia (cães e gatos), de produção e silvestres, oferecendo serviços como consultas, cirurgias, internação, vacinação, necropsia, exames laboratoriais, radiográficos e ultrassonográficos. As instalações do HVU se localizam no Centro de Ciências Agrárias (CCA).

O Hospital Veterinário é localizado no Centro de Ciências Agrárias

Com funcionamento de regime de plantão 24 horas, o Hospital Veterinário possui uma unidade de remoção hospitalar. "Caso o proprietário não tenha condição de trazer até aqui, ou o taxista se recuse a trazer, nós temos uma unidade de remoção responsável por conduzir o animal até o HVU. Isso ocorre com o acompanhamento do dono, até para transmitir maior segurança ao bichinho", ressaltou o Diretor do Hospital Veterinário, Prof. Dr. João Macedo.

Diretor do HVU-UFPI, Prof. Dr. João Macedo

Segundo o Prof. Dr. João Macedo, em junho o sistema de atendimento do hospital foi modernizado com a aquisição do Sistema de Gestão para Clínicas e Hospitais Veterinários. "Nós fomos um dos pioneiros com a implantação deste sistema, a partir dele é possível consultar registros e consultas anteriormente realizadas por determinado animal. A qualquer momento que se quiser abrir o prontuário, ele estará disponível, facilitando o trabalho dos nossos médicos", frisou. Além da mudança com a consulta ao registro médico, o hospital passou a trabalhar com a distribuição de senhas por ordem de chegada. São aproximadamente 45 senhas concedidas diariamente no período de segunda a sexta-feira, nos finais de semana o número chega a 30 durante o sábado e 20 no domingo.

Sistema de Gestão para Clínicas e Hospitais Veterinários implantado em junho deste ano

Atualmente, acontece mais de 36 mil procedimentos durante o ano, e uma média de 1.519 consultas por mês, quanto ao número de exames, o valor sobe para 3.688. Diariamente, aproximadamente 43 cães e 06 gatos realizam consultas nas instalações do hospital. Dentro do HVU, há um posto permanente de vacinação antirrábica com serviço gratuito, que funciona independente das campanhas de vacinação. Para a internação de pequenos animais são 139 leitos, enquanto para a Clínica de Grandes Animais há 25 baias.

Incentivo ao ensino, pesquisa e extensão

Além da prestação de serviços à comunidade, o Hospital Veterinário Universitário funciona como hospital escola. Alunos dos cursos de graduação e pós-graduação utilizam as dependências do hospital como espaço para práticas acadêmico-científicas.

Dois câmpus da UFPI oferecem o Curso de graduação em Medicina Veterinária - Campus Ministro Petrônio Portella, em Teresina, e Campus Professora Cinobelina Elvas, localizado no município de Bom Jesus. Na capital, há a possibilidade de pós-graduação em Ciência Animal, em nível de mestrado e doutorado. Alunos de ambos os câmpus realizam estágio obrigatório no hospital, além de estudantes de outras universidades de outros estados como Maranhão e Ceará.

Atendimento a animais de pequeno porte

Atualmente, o hospital conta com residentes nas seguintes áreas: clínica e cirurgia de pequenos animais (12), anesteologista (02), patologia clínica (04), clínica e cirúrgicas de grandes animais (04), Laboratório de Doenças Infecciosas, Parasitárias Microbiologia e Reprodução - LASAN (04), diagnóstico por imagem (04), patologia animal (04) e reprodução animal (04).

Coordenador do programa em residência veterinária, Prof. Dr. Francisco Lima Silva

Segundo o coordenador do programa em residência veterinária, Prof. Dr. Francisco Lima Silva, a residência se divide em três modalidades, medicina veterinária, anesteologia e reprodução animal. "Todo ano entra 24 residentes, e sai 24 concluintes. O programa abrange as oito áreas de especialização da veterinária. A partir da próxima seleção, o número será ampliado para 48 vagas", destacou. A Residência constitui uma Pós-Graduação lato sensu (Especialização), voltada para a educação em serviço.

Médico residente, Marlos Melo Duarte

O médico veterinário, Marlos Melo Duarte, é um dos residentes que atua na área de "Clínica Médica e Cirúrgica de Cães e Gatos". No Hospital Veterinário, o residente, graduado no campus de Bom Jesus, coloca em prática os conhecimentos teóricos e adquire vivência profissional.

Especialidades desenvolvidas no hospital

No setor de Patologia Clínica são avaliados os fluídos corporais dos pacientes

Dentro do hospital são promovidas oito especialidades: Clínica e Cirurgia de Cães e Gatos, Clínica e Cirurgia de Grandes Animais, Patologia Clínica Veterinária, Anesteologia Veterinária, Diagnóstico por Imagem, Doenças Parasitárias dos Animais Domésticos, Reprodução Animal e Patologia Animal.

Prof.ª Dr.ª Janaína de Fátima Saraiva faz parte do setor de Patologia Clínica

"No setor de patologia clínica, nós fazemos os exames laboratoriais. Então são realizados diversos exames, como por exemplo, o hemograma, testes de compatibilidade para a transfusão sanguínea, coleta de urina, fluídos corporais", explica a Prof.ª Dr.ª Janaína de Fátima Saraiva.

Prof. Dr. Francisco Solano na Clínica de Grandes Animais

A Clínica de Grandes Animais constitui um dos anexos do hospital, atendendo animais de grande porte. "Nesse setor, nós cuidamos das espécies dos ruminantes de pequeno e grande porte, como também os equinos. A parte médica se resume a clínica, diagnóstico, tratamento dos animais enfermos e a parte cirúrgica", pontuou o Prof. Dr. Francisco Solano.

O Hospital Veterinário é formado por um complexo de seis prédios, trabalhando 133 profissionais, entre eles 15 professores, 07 veterinários.

Cemitério para animais de pequeno porte

O cemitério de animais também é um diferencial do Hospital Veterinário da UFPI. Denominado de Cadelinha Sasha e ocupando uma área de 1.000 m², o cemitério é o único público da América Latina voltado exclusivamente para enterro de animais de pequeno porte. "O cemitério atende duas necessidades dos criadores de animais domésticos. A primeira trata-se da questão sanitária; ao definir um local próprio para enterro dos animais, evitando a contaminação do solo por bactérias patológicas. A outra é sentimental, onde proprietários que consideram seus animais como membros da família têm um espaço adequado para sepultá-los", comentou o Prof. Dr. João Macedo.

Fachada do cemitério de animais de pequeno porte

No dia 09 de setembro, o Hospital Veterinário completa 12 anos de fundação.

Confira o vídeo

Fim do conteúdo da página