Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias - PARFOR > Edufpi realiza lançamentos de produções de núcleos de estudos
Início do conteúdo da página

Sétima edição do SIMPARFOR é realizada em Luzilândia

Imprimir
Publicado: Segunda, 03 de Junho de 2019, 10h14

Ocorreu nesta quinta feira (30), mais uma etapa do VII Seminário Interdisciplinar do Parfor/UFPI (SIMPARFOR), realizado na cidade de Luzilândia na Unidade Escolar Padre Jonas Pinto. O evento dispôs de apresentação cultural, palestras, exposição de pôsteres e sessões de comunicação oral.

Durante o seminário ocorreu à conferência “O novo ensino médio e o papel do professor perante as novas perspectivas do ensino”, proferida pelo Prof. Dr. Alan Lobo de Souza, com a coordenação da Profa. Dra. Carmen Lúcia de Oliveira Cabral e das relatoras: Profa. Dra. Rosilene Marques Sobrinho França e Profa. Dra. Dinameres Aparecida Antunes.

O encontro teve como objetivo oportunizar espaços de reflexão sobre as metodologias ativas na prática docente; analisar os desafios do processo de ensino aprendizagem mediado por estratégias inovadoras da Educação Básica e Superior e compartilhar experiências pedagógicas inovadoras, no âmbito da Educação Básica e do Ensino Superior.

Para a aluna cursista de pedagogia Jakciane Sales da Silva o SIMPARFOR foi de grande importância e seu grupo classificou o evento como especial; “tivemos bastante aprendizado com todos os professores, tivemos conhecimento também de novas formas de trabalho, meu grupo trabalhou com memorial e foi uma grande emoção para todos, pois nos fez refletir a importância da nossa própria história”.

As sessões de comunicação oral e pôster ficaram sob a avaliação dos professores: Glauber Lima Moreira, Chistiane Mendes Feitosa, Antonio Magalhaes de Sousa, Dinameres Aparecida Antunes, Raimundo Lenilde de Araújo, Rosilene Marques Sobrinho de França, Allan de Andrade Linhares, Maria da Penha Feitosa, Isa Maria dos Santos, Edmilsa Santana de Araújo, Marta Rochelly Ribeiro Gondinho, Reijane Maria de Freitas Soares, Carmen Lúcia de Oliveira Cabral e Maria Dolores Santos Vieira.

Na condição de professora formadora do programa, Maria Dolores dos Santos Vieira afirma “reconheço o SIMPARFOR como lugar de potência do incentivo à pesquisa a partir do fazer da sala de aula e da docência, que deles se utiliza como tecido investigativo sem desconsiderar o cotidiano que é a vida. Desse modo, esse evento que vem se fortalecendo a cada edição, é um marco no território dessa formação quando fomenta a pesquisa e instiga, desde o primeiro período, a inserção das/os discentes a experimentá-la. Um evento com essa proposta não só é importante como indispensável para uma formação contemporânea que deseja refletir e agir considerando as demandas atuais e a resposta que se espera de uma educação inclusiva das diversidades e diferença”.

A professora Glória Ferro, coordenadora geral do Parfor na UFPI, enfatizou que a iniciativa do SIMPARFOR é parte da tentativa de garantir uma formação superior fundamentada no ensino, pesquisa e extensão, que é a base de toda graduação. “O SIMPARFOR integra o projeto formativo do Parfor e se insere no esforço de qualificação dos profissionais que atuam na educação básica, possibilitando-lhes o verdadeiro exercício da consciência interdisciplinar”, disse Glória Ferro.

As coordenadoras Bartira Araújo do curso de História e Janete Paranhos do curso de Pedagogia foram as responsáveis por entregar a premiação aos alunos classificados em 1º, 2º e 3º lugares de acordo com a avaliação das bancas examinadoras.

Confira a cobertura completa: VII SIMPARFOR - Luzilândia

Fim do conteúdo da página