Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias - CCA > Calourada Medicina Veterinária Campus Cinobelina Elvas
Início do conteúdo da página

CCA: Sexta da Alegria promove sessão de Barras de Access

Imprimir
Publicado: Sexta, 18 de Outubro de 2019, 10h14

CCA: Sexta da Alegria promove sessão de Barras de Access 

sexta da alegria 120191016115149

As sextas-feiras no Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Piauí (CCA/UFPI) não são mais as mesmas. Desde o mês de agosto, a Coordenação do Curso de Medicina Veterinária realiza as atividades da Sexta da Alegria, que tem por objetivo proporcionar vivências além das acadêmicas, integrando alunos e professores.

A Profa. Dra. Maria Marlucia Gomes Nóbrega, Subcoordenadora do Curso de Medicina Veterinária, explica como surgiu a ideia de realização das atividades. “A Sexta da Alegria começou como uma proposta da Coordenação do Curso com o intuito de fazer alguma coisa diferente das atividades acadêmicas nas sextas-feiras, porque percebemos que quando chega o final da semana os alunos estão todos cansados, estressados, alguns até mesmo querendo desistir. Então, resolvemos fazer na sexta para que o aluno fosse para casa mais relaxado, feliz, sem aquele peso tão grande da semana. Começamos no mês de agosto, e a primeira atividade foi um karaokê, e foi muito proveitoso, porque os alunos participaram, muitos cantaram, e a cada semana realizamos uma atividade diferente. Não há uma programação fechada, pois depende do que iremos conseguir trazer para aquela semana. Os alunos também têm sugerido as atividades e todos os colaboradores que conseguimos trazer para as nossas atividades são voluntários”, explica.

sexta da alegria 220191016115306

Karaokê realizado como primeira atividade da Sexta da Alegria

Dentre as atividades realizadas, o projeto realizou uma sessão de Barras de Access, que consiste em um processo quântico feito a partir de toques suaves em 32 pontos energéticos na cabeça que armazenam toda corrente eletromagnética das sinapses neurais responsáveis por criar padrões comportamentais e reações programadas. Em cada um desses pontos há registros de milhares de informações limitantes que, consequentemente, impedem o funcionamento normal e facilitado que qualquer pessoa deveria ter. Assim, quando um terapeuta ativa as barras em um cliente, ocorre o processo de liberação destes registros, ajudando-o a ver além dos padrões que está habituado e dos problemas que possui até então. 

Engenheiro eletricista e terapeuta, Leonardo Jorge de Oliveira conta que nunca atuou na área de engenharia e que trabalhava como executivo em multinacionais em funções voltadas para gestão de pessoas, até conhecer a técnica durante o processo de busca do seu autoconhecimento. Hoje, ele atua como Facilitador Quântico e foi um dos terapeutas a participar da sessão realizada na Sexta da Alegria.

sexta da alegria 320191016120917

Leonardo Jorge realiza sessão de Barras de Access em aluna 

“Conheci as Barras de Access por acaso e me encantei quando recebi, pois durante o curso você recebe duas sessões, e senti algo muito diferente, uma paz, uma sensação incrível, e acabei me aprofundando na técnica e decidi me tornar Facilitador. Hoje faço atendimentos e realizo cursos. O convite para realizar a sessão de Barras de Access surgiu da professora Marlucia e nós participamos com muita satisfação. As Barras proporcionam um momento de concentração, diminuindo a ansiedade, e isso se torna bastante benéfico, principalmente, para as pessoas que estão estudando. Nós ficamos cerca de quatro horas, realizando sessões de 30 minutos e atendemos um número significativo de pessoas, foi muito gratificante”, afirma.

A assistente social Eliete Marreiros também atua como Facilitadora Quântica e participou da sessão realizada no CCA. Ela explica como a técnica atua. “Trabalhamos com o acesso à consciência. É uma técnica americana, criada por Gary Douglas, que constitui um conjunto de ferramentas, de técnicas, que facilitam a consciência das pessoas, e as Barras de Access são a primeira e principal ferramenta de Access Consciousness, que atualmente possui mais de oito mil ferramentas, entre processos verbais, processos de corpo, porque o nosso corpo é consciente e sabe que se nós tivermos a capacidade de estarmos presentes o suficiente para escutarmos o que ele diz, nós teremos bastante capacidade de escolher e fazer o que nós quisermos”, destaca.

sexta da alegria 420191016121108

Eliete Marreiros atuando durante sessão realizada no CCA

Ela destaca que qualquer pessoa pode fazer ou ser um facilitador de Barras de Access, e explica que aliado aos toques em locais específicos da cabeça, são falados mentalmente mantras que potencializam essa energia. “O mantra de Access é “Tudo na vida vem a mim com facilidade, alegria e glória”. Se você repetir esse mantra todo dia pela manhã e à noite de 10 a 20 vezes, isso pode mudar a sua vida, pois o seu ponto de vista cria a sua realidade".

sexta da alegria 520191016121431

As Barras são conhecidas por trazerem muitos benefícios

Leonardo Jorge diz que costuma dar um exemplo bem interessante para um maior entendimento de como as Barras funcionam. “As Barras atuam como aqueles aplicativos de celular utilizados quando o aparelho está travando muito, vasculhando todo o sistema, apagando vírus, arquivos defeituosos, aquilo que você não usa há muito tempo, que não possui mais necessidade de estar ali. As Barras fazem isso em nosso corpo. Esses 32 pontos quando tocados com as pontas dos dedos, juntamente com os mantras, desbloqueiam traumas e dramas que estão armazenados durante muito tempo, até mesmo de outras vidas, e cada parte do corpo diz respeito a aquele ponto específico. Ela vasculha nosso corpo e vai limpando tudo aquilo que o corpo inteligentemente sabe que não está nos servindo mais. E por isso, cada pessoa é exclusiva, cada um terá uma sensação, uma experiência totalmente diferente uma da outra quando tem as suas barras corridas”. 

sexta da alegria 920191016122439

Profa. Marlucia Nóbrega, Leonardo Jorge e Eliete Marreiros

A Profa. Dra. Maria Christina Muratori fala sobre a experiência das Barras de Access. “Conheci a técnica há alguns anos no Rio de Janeiro, e as Barras nos trazem uma sensação de paz, de harmonia, de equilíbrio no corpo, de alegria, bem-estar, porque as Barras trabalham não só no corpo físico, mas no corpo mental, nos ajudando a organizar as ideias, os pensamentos e, consequentemente, as nossas ações”, relata.

A terapia das Barras tem, portanto, atuado significativamente e ajudado milhares de pessoas em casos de ansiedade, depressão, emagrecimento, dores e limitações físicas, TOC, autismo, escassez, compulsões e na capacidade de deixar hábitos, colaborando para uma nova visão de vida de um modo geral e amplo.

Mais informações sobre a Sexta da Alegria no Instagram: @sextadaalegria.

Confira mais fotos de atividades já realizadas na Sexta da Alegria:

sexta da alegria 720191016121756

sexta da alegria 820191016121943

sexta da alegria 920191016122212

sexta da alegria 1120191016123001

sexta da alegria 1020191016122809

 

FONTE: UFPI

Publicado: Quarta, 16 de Outubro de 2019, 12h30

 

 

 

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página