Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias - UFPI > UFPI 50 anos: poderes sob comando de egressos da Universidade
Início do conteúdo da página

UFPI 50 anos: poderes sob comando de egressos da Universidade

Imprimir
Publicado: Sábado, 27 de Fevereiro de 2021, 12h34

Da sua fundação em 1971 até os dias atuais, a Universidade Federal do Piauí (UFPI) projetou para o mercado, serviço público e para a atuação política um número incalculável de egressos que se destacam pelo desempenho brilhante em suas atividades, fortalecendo o desenvolvimento do Piauí e do País.

A solidez da formação acadêmica certamente contribuiu para a construção de trajetórias notáveis, como as de egressos ocupantes de cargos de alto comando nos poderes. São exemplos os gestores máximos dos principais poderes no Piauí, como o presidente do Tribunal de Justiça (TJ-PI), José Ribamar Oliveira; o presidente da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), Themístocles Filho; a presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI), a conselheira Lílian Martins; a Procuradora-Geral de Justiça do Ministério Público do Piauí (MP-PI), Carmelina Moura; e também a Vice-Governadora, Regina Sousa.

nunes_marques.jpg

Ministro Nunes Marques em sessão no STF - Foto: Fellipe Sampaio SCO/STF

E, em nível nacional, projeta-se atualmente o desembargador Kassio Nunes Marques, que, a partir de novembro de 2020, passou a compor a corte de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). O que todos eles têm em comum, e tantos outros que exercem funções essenciais para o desenvolvimento do Brasil, é a passagem pela UFPI. Relatos vibrantes e cheios de emoção nos revelam como a Instituição assumiu o importante papel de auxiliar e garantir novas oportunidades para muitas pessoas ao longo de cinco décadas.

Espaço que abriu muitas portas, a Universidade permitiu que diversas pessoas traçassem novos destinos. A atual vice-governadora do Estado, Regina Sousa, é um desses exemplos. Ela formou-se no curso de Letras-Português no ano de 1976 e conta que na época a cidade acabava no bairro de Fátima, próximo à Igreja, e depois disso só havia uma estrada de chão que sempre fazia os ônibus atolarem pela falta de pavimentação.

Em depoimento, ela externa que a UFPI foi a porta que permitiu a fuga do destino definido para pessoas como ela, oriunda da "roça": “tinha que ser quebradeira de coco, como minha avó, mãe e eu mesma que comecei a vida quebrando coco. Então, a Universidade foi o voo para uma nova possibilidade de vida como professora e depois fiz concursos. As lembranças que tenho da Instituição é de um lugar que me abriu portas”, compartilha a vice-governadora.

vice-gov.jpg

Vice-Governadora do Piauí, Regina Sousa, é egressa da UFPI - Foto: pi.gov.br

Egresso do curso de Direito, José Ribamar Oliveira, desembargador e atual presidente do TJ-PI, entrou na Universidade no primeiro vestibular unificado da instituição no ano de 1973, pouco tempo após a Instituição se instalar na atual sede em Teresina. Para ele, a entrada na UFPI simbolizou um momento ímpar, especialmente pela grande abrangência de áreas de ensino que o Campus proporcionou. “A nossa Universidade foi uma das melhores coisas que aconteceram na minha vida. Trouxe grandes esperanças aos jovens do meu tempo, de modo que só tenho a agradecer”, externa.

TJ

José Ribamar Oliveira, desembargador e atual presidente do TJ-PI - Foto: Arquivo SCS/UFPI

José Ribamar complementa ao compartilhar que a UFPI trouxe muitos benefícios para a população e mudou os rumos do PI, graduando pessoas que fizeram história e levaram o nome do estado para o Brasil inteiro. Ao relembrar da sua passagem pela Instituição, declara que foram “dias inesquecíveis, de um início onde tudo estava se efetivando, mas já de muitas histórias e lembranças”, conta. Com grande admiração, expressa que tem muito orgulho por constar na sua biografia o nome da Universidade.

Divisor de águas no estado, a UFPI surgiu com a imprescindível missão de auxiliar no desenvolvimento de pessoas e do Piauí. Themístocles Filho, presidente da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), também tem sua trajetória conectada à Universidade. Ele relembra que antes era necessário se deslocar para outras regiões quando se pensava em graduação. “Eu estudei {na UFPI} e me recordo com muito carinho desta época. Eu estudei ao lado do desembargador Eufrásio e, do mesmo jeito que ajudou na minha formação, contribuiu na de milhares de piauienses”, conclui.

Presidente ALEPI

Themístocles Filho, presidente da Assembleia Legislativa do Piauí

Foto: alepi.pi.gov.br

reuniaomppi-15_2.jpg

 Egressa da UFPI, Carmelina Moura é Procuradora-Geral do Justiça à frente do MPPI - Foto: Arquivo SCS/UFPI

Ao longo desses 50 anos, muitos sonhos foram concretizados, diversas histórias de sucesso impulsionadas e tudo isso aliado ao intenso propósito da instituição em contribuir com a vida de cada pessoa que almeja uma formação superior. Entre tantos relatos inspiradores, a certeza pulsante é que a UFPI sempre está comprometida com o propósito de transformar sonhos em realidade.

 

 

 

Fim do conteúdo da página