Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias - UFPI > Resultado parcial complementar referente ao processo seletivo de bolsistas do Programa de Mobilidade Acadêmica
Início do conteúdo da página

UFPI, representantes da OPAS e FMS discutem proposta de implantação do Mestrado Profissional em Gestão da Saúde

Imprimir
Publicado: Sexta, 13 de Julho de 2018, 14h30

Todos20180713124049

Aconteceu ontem (12), às 16h, no Salão Nobre da Universidade Federal do Piauí (UFPI), a reunião entre a Vice-Reitora da UFPI, Profa. Dra. Nadir Nogueira; e os representantes da Fundação Municipal de Saúde de Teresina e a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS). A pauta da reunião foi a implantação do Mestrado Profissional em Gestão da Saúde na UFPI e foram pontuadas questões relacionadas à expectativa dos envolvidos e os desdobramentos seguintes para a concretização da proposta.

Para a Vice-Reitora o objetivo é buscar melhorar a gestão de serviços e com isso ter melhores resultados em relação à eficiência e eficácia na atenção básica à saúde. "Essa reunião é o desdobramento de outra reunião que nós já tivemos com um representante da OPAS, Dr. Paranaguai, e o Dr. Sérgio Biapina, representando a Fundação Municipal de Saúde e, junto a professora Regina Lúcia, Pró-Reitora de Ensino de Pós-Graduação da UFPI. A ideia é de constituir uma parceria com a OPAS para a Universidade passar a oferecer um Mestrado Profissional em Gestão da Saúde. A OPAS já sinalizou o financiamento tanto para Comissão que vai trabalhar esse projeto quanto para o financiamento da primeira turma que deve iniciar em 2018 para concluir em 2020", explica a Profa. Dra. Nadir Nogueira.

 DSC021820180713124802

Vice-Reitora da UFPI

O assessor da Fundação Municipal de Saúde de Teresina, Sérgio Ibiapina Ferreira Costa, relata suas expectativas em relação a parceria que está sendo estabelecida entre a Fundação e a UFPI. "A expectativa é a melhor possível. Nós já tínhamos estado aqui anteriormente com esse mesmo objetivo. Nessa reunião de hoje, nós trouxemos novos elementos, a partir de órgãos financiadores, principalmente vinculados à Organização Pan-Americana de Saúde, que é vinculado à Organização Mundial de Saúde também, para que pudéssemos realmente viabilizar um projeto que seria o mestrado profissional para os profissionais que trabalham na Fundação", conta Sérgio.

José Paranaguai de Santana, vinculado à Fundação Oswaldo Cruz, mas participando da atividade também como ex-assessor da Organização Pan-Americana de Saúde, explica o teor da reunião e faz uma avaliação muito positiva. "O plano dessa reunião era a gente compartilhar os entendimentos prévios que já foram encaminhados para a implantação de um mestrado profissional da Universidade com a Fundação Municipal de Saúde, que tem apoio inicial da Organização Pan-Americana de Saúde. O propósito da reunião também foi apontar as iniciativas mais imediatas, a composição da equipe técnica desse projeto, os prazos que nós temos, a sinalização de expectativa por parte da Fundação e as possibiblidades de atendimento da Instituição Educacional (UFPI) como a promotora do mestrado. Assim, numa avaliação que faço da reunião, foram resultados muitos bons, muito êxito", finaliza.

 DSC014620180713130257

José Paranaguai de Santana, Fundação Oswaldo Cruz

Mais fotos:

TODOS20180713130525

 DSC012820180713130707

 DSC014520180713130849

Fim do conteúdo da página