Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias - PROPESQI > CNPq divulga nova chamada de Bolsas de Produtividade em Pesquisa
Início do conteúdo da página

Financiamento da pesquisa no Brasil é tema de palestra

Imprimir
Publicado: Segunda, 11 de Junho de 2018, 08h57
WhatsApp Image 2018-06-06 at 18.34.27.jpeg

Com o objetivo de realizar uma análise histórica acerca da perspectiva de financiamento para as áreas de ciência, tecnologia e inovação no país, a Universidade Federal do Piauí, por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação (Propesqi), promoveu na tarde desta quarta-feira (06), no salão Nobre da Reitoria, a palestra “Financiamento da pesquisa no Brasil”, proferida pelo Prof. Dr. Wanderley de Souza, Diretor de Desenvolvimento Científico e Tecnológico da FINEP.

 lancamentofinep-8.jpg

O evento contou com a presença do Reitor da UFPI, Prof. Dr. José Arimatéia Dantas Lopes; da Vice-Reitora da UFPI, Profa. Dra. Nadir Nogueira; do Pró-Reitor de Pesquisa e Inovação da UFPI (Propesqi), Prof. Dr. João Xavier da Cruz Neto; da Diretora do Centro de Tecnologia (CT), Profa. Dra. Nicia Leite; da Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação, Profa. Dra. Regina Lúcia Ferreira Gomes; do Prof. Dr. Paulo Ramalho, Diretor do Centro de Ciências Agrarias (CCA); além de professores, pesquisadores e estudantes da universidade.

Conduzida pelo reitor da UFPI, José Arimatéia Dantas Lopes, a solenidade contou com uma programação foi dividida em quatro palestras importantes: A atuação do CT-INFRA na UFPI, presidida pelo professor Dr. Ángel Hidalgo, Coordenador de Infraestrutura de Pesquisa; Análise da infraestrutura estratégica para UFPI – a atuação do Biotério Central, apresentada pela Professora Dra. Maria Zenaide de Lima Chagas Moreno Fernandes, Coordenadora Geral dos Biotérios; o Professor Antônio Vinicius Oliveira Ferreira realizou a apresentação do Parque Tecnológico; e por fim, a palestra “Financiamento da pesquisa no Brasil”, proferida pelo Prof. Dr. Wanderley de Souza.

O Pró-reitor de Pesquisa e Inovação (Propesqi), Prof. Dr. João Xavier da Cruz Neto, falou sobre a política de financiamento na Universidade, bem como das medidas desenvolvidas pela PROPESQI.

lancamentofinep-7 (1).jpg

Professor Dr. Ángel Hidalgo, Coordenador de Infraestrutura de Pesquisa

O Professor Dr. Ángel Hidalgo, Coordenador de Infraestrutura de Pesquisa, apresentou os números de investimentos realizados pela UFPI durante a palestra, por meio de vários projetos, como o Programa de Bolsa de Produtividade,  Edital de Apoio à Publicação de Artigos com recursos do orçamento da UFPI, Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC), Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica nas Ações Afirmativas (PIBIC-AF) e de Iniciação Científica Voluntária (ICV), projetos do CT-INFRA, entre outros projetos que apontam o esforço institucional para apoiar a pesquisa.

WhatsApp Image 2018-06-06 at 18.34.18.jpeg

Professora Dra. Maria Zenaide de Lima Chagas Moreno Fernandes, Coordenadora Geral dos Biotérios 

A Professora Dra. Maria Zenaide de Lima Chagas Moreno Fernandes, Coordenadora Geral dos Biotérios, realizou a palestra sobre o Projeto de Produção de Roedores e Lagomorfos (CENPROL), onde descreveu o funcionamento e a estrutura do Biotério Central da UFPI. “O biotério atende à demanda de pesquisas, aulas práticas e realiza a gestão dos Biotérios de produção e manutenção de animais destinados à pesquisa e ao ensino.”

lancamentofinep-13.jpg

Em seguida, Wanderley de Souza iniciou a palestra e destacou as novas perspectivas para a pesquisa no Brasil, por meio do financiamento da Finep e de outras instituições. “O conjunto de recursos precisam ser utilizados de uma maneira que sigam a legislação aprovada pelo Congresso Nacional e cumpram as lições para apoiar a infraestrutura cientifica do país. Portanto, nós temos a obrigação de estar atentos às necessidades do país para que haja uma infraestrutura científica,  que se refere aos componentes físicos: biotérios e laborátórios com equipamentos mais modernos, de modo que, podemos fazer uma ciência competitiva, a nível internacional; estimular a interação do sistema acadêmico que gera conhecimento com o sistema empresarial, que gera produtos, gera processos, que gera dinheiro. Portanto temos que empenhar as universidades com as empresas e temos que pensar em novos mecanismos nessa integração”, explica.

lancamentofinep-12.jpg

Prof. Dr. Wanderley de Souza, Diretor de Desenvolvimento Científico e Tecnológico da FINEP

O reitor Prof. Dr. José Arimatéia destacou a importância da realização da palestra. “O evento é muito importante para ampliarmos as discussões sobre investimentos na pesquisa e inovação no Brasil. Precisamos sensibilizar a comunidade para cobrar junto esses investimentos”, finaliza.

lancamentofinep.jpg

lancamentofinep-9.jpg

Fim do conteúdo da página